• Benefícios da gratidão: por que ela é importante e como ser mais grato

    21 de Fevereiro de 2019 • Categoria: Experiências Gestão Mudança Resultados

    E se amanhã você acordasse apenas com aquilo que agradeceu hoje? A gratidão é um sentimento indispensável para que nossa jornada profissional e pessoal tenha significado e satisfação. Não à toa, aprender como ser mais grato tem se tornado uma meta bastante procurada pelas pessoas. E é sobre isso que vamos conversar, hoje. Acompanhe!
     


     
    Por que a gratidão é importante? (Imagem: FreePik)


    A importância da gratidão: benefícios para a vida


    Estudos da Universidade da Califórnia, liderados pelo professor de psicologia Robert A. Emmons, constataram que pessoas que expressam gratidão são mais bem-humoradas e otimistas. Além disso, elas conseguem dormir melhor, têm mais disposição e até contam com níveis de pressão arterial mais saudáveis. 

    Mais um estudo, esse realizado pela Universidade Australiana, concluiu que ao demonstrar gratidão é possível aprimorar relacionamentos profissionais. 

    Enquanto isso, uma pesquisa realizada na Universidade de Indiana, nos Estados Unidos, entendeu que exercitar a gratidão pode provocar mudanças positivas no cérebro. De acordo com o estudo, é possível tornar as regiões responsáveis pela gratidão mais responsivas quando o sentimento é exercitado. Segundo os cientistas, passar alguns minutos por dia escrevendo sobre aquilo que se é grato faz com que áreas cerebrais reajam mais espontaneamente diante do estímulo. Ou seja, ficamos agradecidos com mais frequência. 

    Existem ainda inúmeros outros estudos científicos apontando os benefícios da gratidão: com ela é possível sentir-se mais feliz, trabalhar melhor, construir novos relacionamentos e manter positiva as relações já existentes. 

    E a melhor parte é que sentir-se mais grato é possível para todos. Isso significa que se você não tem o costume de viver a gratidão, pode exercitá-la para tornar esse comportamento uma parte natural de você. 


    Como ser mais grato

    Somando o que aprendi em leituras sobre o tema com meus próprios hábitos, acredito que uma técnica simples pode ajudar a exercitar a gratidão: fazer uma análise de como foi seu dia e valorizar pontos positivos. 

    Funciona assim: no fim do dia, pense nas coisas que aconteceram e que fizeram você se sentir bem – e valorize esses episódios, por mais simples que sejam.  Um sorriso de criança, uma comida gostosa, um dia de sol. Quando você menos espera, começa a valorizar grandes coisas – e que, por incrível que pareça, muitas vezes passam despercebidas. Falo da gratidão pelas pessoas que amamos, pela nossa saúde e pelo trabalho. 

    Assim, é possível construir um hábito de agradecer pelo que nos acompanha e pelas particularidades de cada dia – e olhar para a vida com mais otimismo, esperança e alegria. 

     


    Praticar a gratidão ajuda a desenvolver esse sentimento com naturalidade e viver mais feliz. (Imagem: FreePik)


    O que você tem a agradecer?

    Tenho muitos motivos para ser grata. Sou grata por todos os desafios e dificuldades que encarei e superei. Sou grata pela recuperação da saúde da minha mãe. Sou grata por dias de Sol. Sou grata por que tenho saúde. 

    E de um modo especial, sou profundamente grata pelas pessoas que Deus coloca na minha vida. Ele sempre cruza meu caminho com o de pessoas que podem me ajudar a crescer. Gente única, que me inspira. Amigos que me ensinam e contribuem para minha vida de diferentes maneiras. Sou muito grata por isso. 

    E você, é grato pelo quê?

    Lembre-se: a gratidão é fundamental para melhorar vários aspectos da sua vida, e você pode treiná-la. Pratique a gratidão e você verá como coisas boas começam a acontecer à sua volta. 

    Isso, porque a gratidão nos coloca em um nível diferente de humor e disposição, que se traduz em nossas atitudes – e, consequentemente, por meio delas atraímos oportunidades e pessoas do bem. 

    Espero que tenha gostado do post de hoje, e fique à vontade para participar e compartilhar! Aproveite e acesse minhas páginas nas redes sociais – no Facebook e Instagram. 

    Abraços,
    Marcia. 

DEIXE SEU COMENTÁRIO

ANTES DE FAZER UM COMENTÁRIO, VEJA A POLÍTICA DO BLOG

1 COMENTÁRIO(S)

Obrigada Marcinha ! Ótima reflexão!

comentado por Helô em 21/02/2019

Que bom que gostou, Helô! Fico feliz. Obrigada pelo comentário!

comentado por Marcia Correa em 22/02/2019